2019
dez
03
Foto: Faiara Assis
Institucional

UCB firma parceria com o Parque Tecnológico de Brasília

O objetivo é estabelecer a cooperação comum entre as instituições, por meio de ações para execução conjunta de programas e o intercâmbio

A Universidade Católica de Brasília (UCB) e a diretoria-executiva da BIOTIC S/A assinaram, na manhã desta terça-feira, 3 de dezembro, um acordo de cooperação técnica para o desenvolvimento conjunto de programas/projetos e o intercâmbio em assuntos educacionais, científicos e tecnológicos.

Estiveram presentes na cerimônia de assinatura o Magnífico Reitor da UCB, Prof. Dr. Ir. Jardelino Menegat, o pró-reitor Acadêmico da UCB, Prof. Dr. Daniel Rey de Carvalho e o diretor de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação da BIOTIC, Leonardo Socha Rondeau Reisman, além do presidente da Fundação de Apoio a Pesquisa do Distrito federal (FAPDF), Alessandro França Dantas; professores da UCB, integrantes da área de tecnologia do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e representantes e proprietários de Startups de Brasília.

Foto: Faiara Assis

O objeto da parceria entre a UCB e a BIOTIC é estabelecer as condições necessárias para a cooperação comum entre as instituições, por meio do princípio de reciprocidade de ações para execução conjunta de programas/projetos e o intercâmbio em assuntos educacionais, científicos e tecnológicos no desenvolvimento do Parque Tecnológico de Brasília. A colaboração contempla associar as ações do Programa de Biotecnologia, como contribuição da UCB no complexo BIOTIC, no sentido de destacar a pesquisa como potencialização do parque.

Segundo o Magnífico Reitor, um dos grandes legados desse acordo de cooperação é somar forças e fazer do Distrito Federal um polo de inovação do Brasil. “Cada um contribuindo com o que tem de melhor. Assim ganha o Parque Tecnológico e ganha a Universidade Católica de Brasília. Dessa forma, ganham Brasília e o Brasil. Esperamos que esta parceria fortaleça o princípio de reciprocidade de ações para execução conjunta de programas, de projetos e o intercâmbio de assuntos educacionais, científicos e tecnológicos para o desenvolvimento do BIOTIC e da UCB”, disse o Ir. Jardelino Menegat.

Foto: Faiara Assis

O Magnífico Reitor destacou que a Universidade poderá contribuir com profissionais altamente capacitados para a pesquisa, particularmente com o Programa de Biotecnologia e o BIOTEC poderá contribuir com a infraestrutura necessária para o desenvolvimento da ciência e da pesquisa.

Já o diretor Leonardo Reisman destacou a presença da Universidade para a construção de novos produtos, nossos recursos. “Esse processo de parceria já está sendo gestada há algum tempo, e hoje é a concretização desse passo. É um desafio e uma honra para a BIOTIC ter a Universidade Católica de Brasília como parceira. Nós precisamos fazer essa ligação entre a pesquisa e o desenvolvimento, que já é feito na Universidade, e os negócios de mercado, por isso temos trabalhado aqui no Parque com as modelagens necessárias para que consigamos fazer essa transferência, o que é prática comum em países há muito tempo. São soluções gestadas em laboratórios e em linha de pesquisa e isso se transforma em produtos, gerando muitos recursos, seja para a Universidade, seja para os pesquisadores e criadores”, disse Reisman.

Após a solenidade, as Startups da UCB (participantes do programa de pré-aceleração do Startup Católica) e as Startups da BIOTIC apresentaram seus modelos de negócios em forma de Pitch para os convidados do evento.

A BIOTIC é uma subsidiária integral da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) criada para a implantação do Parque Tecnológico de Brasília (BIOTIC), com o objetivo de cuidar da gestão, controle e estruturação do empreendimento. A viabilização do negócio envolve desde operações financeiras e imobiliárias de ocupação do espaço à realização de prospecção de novos negócios que sejam condizentes com a finalidade do desenvolvimento sustentável do Distrito Federal. Após a consolidação do Parque Tecnológico, o objetivo é abrir o capital da subsidiária e transferir o seu controle para a iniciativa privada.

Publicado por Rodrigo Eneas

Notícias Recentes

06 janeiro 2020
Alfabetização Cidadã seleciona voluntários para 2020
16 dezembro 2019
Cursos da UCB recebem nota máxima na avaliação do Inep
12 dezembro 2019
UBEC e SINPROEP selam acordo para geração de postos de trabalho