Biblioteca

Não. Para sair é precido devolver a chave.

As obras reservadas permanecerão disponíveis aos usuários por 24h na Biblioteca Central, e por 48h, na Biblioteca da Pós-Graduação. Vencido o prazo, as obras serão entregues ao próximo usuário da lista ou retornarão para a estante. O acompanhamento da reserva é de responsabilidade do usuário.

Sim. A multa permanece registrada no sistema Pergamum e o usuário pode pagá-la depois. Entretanto, enquanto houver pendência, não poderá utilizar os serviços de empréstimo, renovação e emissão de “nada consta”.

O valor da multa é de R$ 1,00 por dia, para cada obra em atraso.

Em caso de roubo, furto ou extravio de material do acervo, o usuário deve comunicar o fato à Biblioteca para receber instruções.

Sim. Qualquer pessoa pode efetuar a devolução, devendo entregar o material no Balcão de Devolução, e aguardar a emissão do recibo.

O material emprestado deve ser devolvido em qualquer uma das unidades do SIBI.

O atraso na devolução de qualquer material impossibilita a renovação de outros, mesmo que estes estejam dentro do prazo.

Sim. Desde que o material não esteja reservado para outro usuário e não esteja com prazo de devolução vencido.

Não. Antes de sair da Biblioteca, o material é verificado pelo vigilante, e se tiver com o prazo de devolução vencido, ficará retido. Se a renovação tiver sido feita pela internet, antes de sair da Biblioteca, o usuário deverá comparecer ao Balcão de Empréstimo para renovar o carimbo de data.

A data de devolução é carimbada na papeleta afixada na obra. O usuário também pode conferir a data de devolução no Meu Pergamum, que pode ser acessado através do catálogo de consulta ao acervo.

Não. A comunidade externa pode apenas utilizar os espaços e fazer consulta local.

Não. Apenas o próprio usuário pode fazê-lo.

O usuário deve apresentar o documento que comprove sua vinculação com a instituição, de acordo com a categoria a que pertença:

  • Alunos: carteira estudantil ou espelho de matrícula com documento com foto.
  • Funcionários técnico-administrativos e professores: crachá.
  • Funcionários das instituições conveniadas: carteira de identidade funcional ou de categoria profissional.
  • Ex-alunos: comprovante de conclusão do Curso, comprovante de residência e número da matrícula da UCB.
  • Docentes da UCB e do CECB
  • Alunos da UCB e do CECB
  • Funcionários das instituições conveniadas
  • Funcionários técnico-administrativos da UCB e do CECB
  • Comunidade externa (somente na Biblioteca Central)

Iniciação Científica

Pelo período acordado com o orientador.

Para concorrer ao edital siga o passo a passo, clique aqui.

O aluno trabalhará no projeto sem receber bolsa, mas ao final do estágio receberá um certificado pelo período em que foi voluntário.

O prazo de até 3 (três) dias corridos da divulgação dos resultados.

Os recursos poderão ser apresentados pelo orientador na Coordenação de Iniciação Científica. Os recursos serão julgados pelo Comitê Interno de Seleção.

O julgamento compreenderá duas etapas, uma eliminatória e outra classificatória. Serão motivos de eliminação:

Descumprimento do edital

b) Inadequação do Projeto aos objetivos do Programa de Iniciação Científica ou Tecnológica
c) Insuficiência do plano de trabalho
d) Planos de trabalhos iguais para diferentes candidatos
f) Falta de documentação

As propostas serão analisadas pelo um Comitê Institucional específico a cada área do conhecimento quanto ao mérito científico e experiência do pesquisador, Os procedimentos utilizados na análise e os seus resultados serão avaliados por um Comitê Interno composto por professores da UCB como rege a RN-107/2006 do CNPq.

O pedido de renovação é feito pela PAGE, da mesma forma como foi feita a primeira inscrição, usar o mesmo nome do plano de trabalho anterior e incluir a palavra RENOVAÇÃO no início do título do plano de trabalho.

O aluno deve se inscrever no novo edital com um novo plano de trabalho elaborado em conjunto com seu orientador e anexar todos os documentos exigidos no edita e um relatório parcial para avaliação.

A bolsa entra em vigor no mês subsequente da divulgação do resultado final do processo seletivo.

Qual o período de duração da bolsa?

A bolsa tem vigência de um ano sendo renovável por mais um.

Para anexar os documentos na inscrição siga o passo a passo, clique aqui.

Os documentos devem ser anexados para que os avaliadores façam uma analise da vida acadêmica do aluno.

Os documentos solicitados no edital são itens classificatórios, e a não apresentação dos mesmos desclassifica o plano de trabalho.

Estar regularmente matriculado em um curso de graduação nesta instituição.

Não possuir vinculo empregatício (estagio, emprego ou atividade remunerada).

Não possuir qualquer tipo de bolsa superior a 50%.

Dedicar-se 20 horas semanais ao projeto.

Para concorrer você deve participar do processo seletivo realizado através de um edital, lançado anualmente. As inscrições são feitas através da PAGE (Plataforma de Apoio a Gestão Estratégica).

As bolsas de Iniciação Científica e Tecnológica da UCB consistem no desconto de R$ 400,00 no valor da mensalidade do aluno.

As bolsas de Iniciação Científica e Tecnológica do CNPq (PIBIC e PIBIT) consistem no recebimento do valor de R$ 400,00 na conta do bolsista.

O aluno deverá buscar um orientador (professor) que possua um projeto vigente na UCB para participar do projeto em questão. O orientador ajudará o aluno a formular um plano de trabalho através da PAGE (Plataforma de Apoio a Gestão Estratégica) e concorrerá a uma bolsa quando houver edital de bolsa vigente.

Iniciação Científica é uma modalidade de pesquisa acadêmica desenvolvida por alunos de graduação nas universidades brasileiras em diversas áreas do conhecimento. Em geral, os estudantes que se dedicam a esta atividade possuem pouca ou nenhuma experiência em trabalhos ligados à pesquisa científica (daí o caráter de “iniciação”) e representam o seu primeiro contato com tal prática. Os alunos têm o desenvolvimento de seus estudos acompanhados por um professor orientador.